CURVATURA PENIANA

Homens e cirurgia plástica. O fim do tabu.

Diante de novos conceitos e classificações sociais, o heterossexual, metrossexual ou homossexual têm cada vez mais acesso - e menos tabu - para uma área que antes era destinada quase que exclusivamente para o público feminino: cirurgias plásticas.

Mais esclarecimentos mediante consulta médica.
 
Peyronie - Curvatura Peniana
Lipoaspiração do Pubis - Lipo Pubiana
 
A curvatura peniana ou doença de Peyronie é um distúrbio do tecido conjuntivo que envolve o crescimento de placas fibrosas no tecido do pênis.

A doença causa o aparecimento de uma curvatura no pênis em ereção.
Na doença de Peyronie ocorre a perda de distensibilidade dos tecidos em um lado do pênis, encurtando aquele lado e provocando a curvatura. Não é rara em homens de meia idade.

A doença pode causar dor, endurecimento, lesões (tecido cicatricial) ou curvatura anormal do pênis quando ereto. Além disso, pode causar estreitamento ou diminuição do comprimento do pênis. A dor sentida durante os estágios iniciais da doença frequentemente alivia em doze a dezoito meses.

Nos estágios tardios da doença, frequentemente acompanhando esses sintomas, pode haver disfunção erétil. A doença também pode tornar a relação sexual dolorosa e/ou difícil, embora muitos homens relatam que possuem relações sexuais satisfatórias, apesar da doença.

A doença de Peyronie não é contagiosa, e não possui nenhuma relação com qualquer tipo de câncer e afeta cerca de 1 - 4% dos homens. A doença manifesta-se somente no pênis, embora diversos homens com a doença exibem simultaneamente doenças do tecido conjuntivo nas mãos, e em menor número, nos pés.

Procure por um cirurgião plástico especialista em curvatura peniana (doença de Peyronie) caso o distúrbio traga incômodos.

ASSOCIAÇÕES

  • Captura de Tela 2017-12-01 às 13.32.07.png
  • Captura de Tela 2017-12-01 às 13.31.48.png
  • Captura de Tela 2017-12-01 às 13.31.43.png